Natura lança Kaiak Oceano promove ação de limpeza em reserva ambiental

Natura lança Kaiak Oceano  promove ação de limpeza em reserva ambiental

Desde seu lançamento, em 1996, Kaiak se inspira no universo aquático e marinho para criar suas fragrâncias refrescantes. A mais nova fragrância da linha leva essa inspiração ao seu nível mais alto até aqui. "Kaiak é uma marca icônica que se renova mais uma vez com Kaiak Oceano, um lançamento que oferece um olhar mais consciente sobre o lixo e o impacto que ele tem sobre as águas, dando luz a um dos temas mais sensíveis e alarmantes do momento: a poluição dos oceanos.", afirma Denise Coutinho, diretora de Perfumaria da Natura.

A nova fragrância traz notas frescas de algas marinhas naturais do Oceano Atlântico e da pataqueira, ingrediente da biodiversidade amazônica, que se unem à densidade do âmbar marinho e das madeiras escuras. O novo Kaiak tem preço sugerido de R$ 121,90, mas durante o lançamento está sendo comercializado por R$ 79,90.

Como um convite para um novo olhar ao cuidado com os oceanos, cerca de 50% da maior peça plástica que compõe o novo Kaiak Oceano, os chamados "ombros" da fragrância, é feita de plástico reciclado. Parte desse plástico reciclado, cerca de 8%, vem do litoral, coletado por cooperativas. Com essa iniciativa, a Natura espera usar cerca de 6 toneladas de plástico reciclado, que equivalem a 3 milhões de tampas de garrafa de água. Se colocadas lado a lado, essas tampas formam uma distância que cruza o Brasil de Norte a Sul. O volume tem como estimativa as vendas de um ano do novo Kaiak Oceano.

Hoje, os frascos de todas as fragrâncias do portfólio de Kaiak já são feitos com até 30% de vidro reciclado. Além disso, o filme plástico que envolve a caixa da nova fragrância foi eliminado para reduzir ainda mais o uso do material. Agora, a caixa do produto é mais resistente e o lacre é feito com cola.

Como parte das ações relacionadas com o lançamento da nova fragrâncias, a Natura se uniu ao Instituto Ecosurf - organização sem fins econômicos, dedicada ao empoderamento de surfistas para a atuação em causas públicas e proteção dos oceanos -, para promover a limpeza de uma área de reserva ambiental na estação ecológica Juréia-Itatins, em Peruíbe, litoral sul de São Paulo. A ação promoveu a retirada de 300 sacos de 100 litros de resíduos, totalizando a limpeza de cerca de 5 km de praia, além de fomentar a cadeia de reciclagem e auxiliar no destino correto dos resíduos para evitar que cheguem a um de seus fins mais comuns: o oceano.

}

Comentários ()

Vídeo em Destaque

VEJA TODOS OS VÍDEOS

Blogs

Tags