O Poeta modernista e o perfume de Mademoiselle

O Poeta modernista e o perfume de Mademoiselle

Livro de Robeto D´angelo, uma história apaixonante cujo personagem central é Mario de Andrade que em 1925 recebe um convite para ir a Paris, onde conhece os grandes nomes da perfumaria. O livro mistura personagens reais com fatos e diálogos fictícios que relatam a época de ouro da perfumaria na Paris dos anos loucos.

A carreira profissional de Roberto na perfumaria iniciou depois de regressar de um período de estudos na Europa, quando foi convidado para trabalhar como consultor da marca Chanel, no Duty Free do Aeroporto Internacional de São Paulo, foi o seu primeiro contato com o universo fascinante dos perfumes. Anos mais tarde esta experiência levou-o a ingressar na empresa Nina Ricci e posteriormente na empresa Elizabeth Arden, como treinador para a América Latina. 

Com a abertura do mercado nacional para perfumes importados, trabalhou em importadoras com algumas de suas marcas famosas, e teve a oportunidade de participar de diversos cursos no exterior, em Paris nas marcas: Dior, Guerlain, Klorane, Nina Ricci e Hermès e Talika, e em Bordeaux no Institut Arnaud. Em Madrid na Loeve, por diversas vezes em Porto Rico na Elizabeth Arden, e nos Estados Unidos, e no México na Orlane.  

Com o tempo Roberto foi conhecendo as histórias das casas de perfumes, os grandes clássicos e os perfumistas que criaram verdadeiras obras de arte olfativas. Conhecer as essas belas histórias deu a Roberto o impulso que precisava para escrever os seus livros, e em 2018 lançou o seu primeiro: O Poeta modernista e o perfume de Mademoiselle, conta uma história apaixonante que se passa na cidade de São Paulo em 1925, Mário de Andrade, um dos mais importantes poetas brasileiros, recebe um convite para conhecer Paris, a cidade que respirava arte, e estava repleta de artistas de vários países. Mário visita a Exposição internacional de artes decorativas e industriais modernas onde conhece grandes nomes da perfumaria, Guerlain e Coty, conhece também o famoso René Lalique que revolucionou a indústria dos perfumes com seus frascos artísticos. Apresentado ao famoso nez, Ernest Beaux, ele conta em detalhes como foi a criação do perfume mais famoso do mundo: o Chanel nº 5. Através destes personagens Mário conhece também a famosa Coco Chanel e pelo breve período que permanece em Paris nasce uma inusitada amizade entre ele e Chanel e esta, por sua vez, inclui o poeta no seu seleto círculo de amizades. 

A amizade entre Mário e Chanel se fortalece, e eles se tornam confidentes de seus assuntos mais íntimos, estes diálogos são o ápice do livro. Mario participa de jantares no famoso apartamento de Gabrielle na Rue Cambon e conhece vários artistas famosos, entre eles o pintor Pablo Picasso, e a famosa amiga de Chanel Misia.  O livro mistura personagens reais com fatos e diálogos fictícios que relatam a época de ouro da perfumaria na Paris dos anos loucos.

Em 2019 Roberto participou de uma coletânea de contos do livro Quarentena, publicado pela editora Chiado. Todos os livros de Roberto contam histórias relacionas com a perfumaria. Dois livros estão finalizados, um deles será lançado em 2022, e conta a história do famoso costureiro Dener que nos anos 60 deseja lançar um perfume, já o outro, ambientado no século XVIII, conta uma história de Jean-Jacques, o perfumista da inconfidência. O quarto livro, em fase de produção, traz a história de um vampiro que durante sua longa existência aprendeu a arte da perfumaria.  

Roberto D´Angelo: Especialista em história da perfumaria, colecionador de frascos de perfumes vintage, jurado do prêmio da revista atualidade cosmética, owner da empresa especializada em treinamentos R&R D´Angelo.  

rbto.dangelo@gmail.com  instagram/face aarteemfrascosdeparfumes.

}

Comentários ()